Guimarães

Prisão preventiva para suspeitos de roubos e furtos em Braga, Porto e Aveiro

Prisão preventiva para suspeitos de roubos e furtos em Braga, Porto e Aveiro

O Tribunal de Guimarães aplicou prisão preventiva aos três suspeitos de furtos e roubos em postos de abastecimento de combustível, cabeleireiros, supermercados e cafés nas zonas de Braga, Porto e Aveiro.

Os suspeitos, dois homens e uma mulher, com idades entre os 28 e os 30 anos, foram detidos na quarta-feira no Porto, numa operação liderada pelo Núcleo de Investigação Criminal de Barcelos da GNR.

No âmbito da investigação, que durou dois meses, a GNR apurou que os suspeitos praticavam furtos em estabelecimentos, nomeadamente postos de abastecimento de combustível, cabeleireiros, supermercados e cafés, nas zonas de Braga, Porto e Aveiro.

"Além dos furtos, ainda efetivaram 10 roubos, nas mesmas zonas, com recurso a uma arma branca", acrescenta o comunicado.

Na quarta-feira, a GNR deu cumprimento a um mandado de detenção, que exigiu uma operação policial para a localização dos suspeitos, tendo os mesmos sido intercetados na zona do Porto.

Na sequência da ação, foram realizadas duas buscas domiciliárias que resultaram na apreensão de material utilizado para o furto de viaturas, um computador, uma arma branca e 560 euros.

Foram também recuperados dois veículos que tinham sido furtados.