Exclusivo

Processo por ataque de Rui Pinto a emails do FCP fica suspenso

Processo por ataque de Rui Pinto a emails do FCP fica suspenso

A intrusão, em 2016, na caixa de correio eletrónico de Fernando Gomes, administrador da SAD do F. C. Porto, é um dos cinco processos que foram suspensos no âmbito da colaboração de Rui Pinto com as autoridades.

O acordo, proposto em julho pelo Ministério Público (MP) e já validado pelo juiz Carlos Alexandre, do Tribunal Central de Instrução Criminal, obriga o gaiense, de 31 anos, a cooperar com a Justiça durante ano e meio. Após esse período, as cópias dos seus discos na posse da Polícia Judiciária (PJ) serão destruídas.

Ao todo, terão sido 13 os acessos de Rui Pinto ao email em questão, a partir do qual terá tentado entrar noutras caixas eletrónicas da estrutura portista. A SAD apresentou queixa logo em 2016, mas só este ano é que o MP descobriu indícios suficientes de que o responsável pelo ataque foi mesmo o criador assumido, em 2015, do site Football Leaks.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG