Exclusivo

Procurador quer agressor de Bas Dost e de Jorge Jesus de volta à prisão

Procurador quer agressor de Bas Dost e de Jorge Jesus de volta à prisão

O Ministério Público recorreu da sentença do processo das agressões a jogadores do Sporting na Academia de Alcochete que condenou nove dos 44 arguidos a penas de prisão efetiva.

Quer que outros três, que já tinham estado em prisão preventiva, cumpram uma pena na cadeia.

Entre os visados está Rúben Marques, o encapuzado que entrou na academia de cinto em punho, danificou o Porsche de Nélson Pereira e agrediu violentamente Bas Dost e Jorge Jesus. O ex-avançado do Sporting foi ainda pontapeado no chão por Rúben e teve de ser suturado na testa, pelo ferimento provocado pela fivela. Rúben apenas confessou a agressão a Bas Dost, negou agressões dentro do balneário e viu o tribunal suspender-lhe a pena de cinco anos de prisão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG