Ponte de Lima

Proibido de contactar ex-companheira após agressão

Proibido de contactar ex-companheira após agressão

O Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo informou, este domingo, que o Tribunal Judicial de Ponte de Lima proibiu um homem de 41 anos de qualquer contacto e aproximação à ex-companheira, por suspeitas de violência doméstica.

O suspeito foi detido na sexta-feira, no seguimento de uma investigação por violência doméstica. "Os militares da Guarda apuraram que o suspeito agrediu física e verbalmente a vítima, sua ex-companheira de 40 anos, resultando no cumprimento de um mandado de detenção", comunicou o Comando.

O indivíduo foi presente ao Tribunal Judicial de Ponte de Lima, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação "de obrigação de não permanência na residência onde habita a vítima, proibição de contactos, por qualquer meio, e de aproximação da ofendida, da sua residência e do seu local de trabalho". Fica ainda proibido de usar ou adquirir qualquer tipo de arma.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG