Exclusivo

Sacam 16 milhões em burla internacional com falsos investimentos em bitcoins

Sacam 16 milhões em burla internacional com falsos investimentos em bitcoins

Organização criminosa liderada por israelita enganou dezenas de vítimas em França, Bélgica e Suíça. Dinheiro era canalizado para Portugal, onde estão a ser julgados cinco arguidos.

Criaram uma dúzia de páginas na Internet a publicitar falsos serviços de investimentos em bitcoins, uma moeda virtual, e conseguiram atrair a atenção de centenas de investidores incautos em França, Bélgica e Suíça. Aliciados pela garantia de retornos atrativos, as vítimas transferiram para contas bancárias controladas pelo grupo mais de 16,7 milhões de euros.

O dinheiro veio parar a Portugal, onde os cinco burlões, quatro deles em prisão preventiva, tinham aberto contas bancárias em nome de cerca de 50 empresas que o grupo comprou ou mandou criar, com nomes como Crypto-major.tech ou tradabank.com.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG