Almada

Seis anos de prisão para homem que disparou contra rival junto a discoteca

Seis anos de prisão para homem que disparou contra rival junto a discoteca

O Tribunal de Almada condenou um homem a seis anos de prisão por ter disparado três vezes contra um homem com quem se desentendeu numa discoteca no Seixal. A vítima foi socorrida por populares e sobreviveu.

O caso ocorreu na manhã de 12 de novembro de 2018, no exterior duma discoteca na Amora, Seixal. Após uma discussão e envolvimento físico dentro do estabelecimento onde decorria uma festa, o arguido deslocou-se à sua viatura para retirar uma arma de fogo (revólver) e disparou três vezes contra a vítima, atingindo-a na zona abdominal e torácica, deixando-a prostrada e indefesa.

O arguido defendeu em tribunal que a arma foi usada como meio de autodefesa, mas os testemunhos e as imagens captadas a partir do sistema de videovigilância do estabelecimento mostraram uma versão diferente.

Assim, perante a ausência de arrependimento, a incapacidade autocrítica do arguido e uma anterior condenação por detenção de arma proibida, foi condenado a seis anos de prisão efetiva por tentativa de homicídio e detenção de arma proibida.

Outras Notícias