O Jogo ao Vivo

Perseguição

Sequestrador de taxista do Fundão foge da cadeia

Sequestrador de taxista do Fundão foge da cadeia

Intercetado na A25 com caçadeira apontada à cabeça de motorista. Aproveitou obras e escapou da prisão de Aveiro.

Um homem de 23 anos que estava preso por sequestrar um taxista do Fundão evadiu-se esta segunda-feira à tarde do Estabelecimento Prisional de Aveiro, aproveitando-se das obras que decorrem num dos pátios daquela cadeia. Outro preso também se escapou, mas seria recapturado pouco depois por elementos da Guarda Prisional.

Gilberto foi detido pela Brigada de Trânsito (BT) da GNR, na madrugada de 24 de dezembro do ano passado, quando circulava num táxi com uma caçadeira encostada à nuca do motorista.

O automóvel circulava a alta velocidade, o que alertou os homens da BT que patrulhavam a A25. Perseguido, o carro viria a ser intercetado na zona de Aveiro, no nó com a A1. Foi nessa altura que os militares se aperceberam de que o taxista conduzia sob ameaça de uma caçadeira e de uma faca e levava mais três passageiros. Havia sido sequestrado no Fundão e obrigado a dirigir-se a Braga, onde deveria deixar os três adultos mais uma criança de dois anos. O taxista não ganhou nem para a viagem e muito menos para o susto.

Coação e roubo

Presente ao juiz de instrução criminal, Gilberto foi colocado desde então em prisão preventiva, no estabelecimento prisional de Aveiro, a aguardar julgamento por crimes de roubo e coação. Não esperou e esta segunda-feira decidiu sumir. Até este momento, ainda continua a monte.

A Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais confirmou a fuga ao JN, tendo aberto um inquérito sobre as circunstâncias em que a mesma aconteceu.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG