O Jogo ao Vivo

PJ

Serralheiro vendia imagens sexuais em burla por MBWay

Serralheiro vendia imagens sexuais em burla por MBWay

Um homem foi detido pela Polícia Judiciária do Sul por suspeitas da prática de vários crimes de burla através da aplicação MBWay. Utilizaria imagens de cariz sexual nas redes sociais para atrair as vítimas e conseguir ter acesso às contas bancárias.

O esquema, que lhe terá rendido vários milhares de euros, terminou esta terça-feira, com a detenção do homem, pela presumível autoria dos crimes de burla informática e nas comunicações e burla qualificada na forma continuada.

Segundo a PJ, o homem disponibilizava nas redes sociais "o acesso a conteúdos de cariz sexual/pornográfico e exigia o pagamento através da aplicação MBWay". A PJ explica ainda que "o desconhecimento do funcionamento daquela aplicação levava a que os ofendidos fornecessem, inadvertidamente, o acesso à sua conta bancária que a partir daquela altura era movimentada pelo suspeito que desta forma se apoderou de várias dezenas de milhar de euros".

O detido, de 36 anos, é serralheiro e tem antecedentes criminais. Residente em Alcanena, Santarém, fez vítimas em várias localidades do país. Acabou detido no âmbito de uma investigação tutelada pelo Ministério Público do DIAP de Faro. para onde foi encaminhada a primeira denúncia. Vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.

Outras Notícias