Ataque

Site do Sindicato dos Funcionários Judiciais pirateado

Site do Sindicato dos Funcionários Judiciais pirateado

O ​​​​​​​site do Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ) foi pirateado pelo grupo de Hackers Cyberteam, em protesto contra o líder do partido Chega, André Ventura.

O ataque foi perpetrado este domingo à noite e anunciado pelo grupo de piratas nas redes sociais. Os hackers penetraram na página do SFJ, onde colocaram a mensagem: "Estamos a viver uma era pré-apocalíptica onde a sociedade proclama por mais amor e menos guerra mas nem elas mesmas fazem por isso, guerra gera guerra, quem fez as escolhas erradas foram vocês mesmos onde podemos dizer, sociedade controlada por as suas próprias escolhas... #antiventura".

O ataque informático é qualificado como um "Defacing" que é uma alteração do visual de páginas Internet.

No final de abril, a PJ deteve um jovem, de 19 anos, suspeito de pertencer ao grupo "Cyberteam" que pirateou o sistema informático da empresa de telecomunicações Altice, de uma associação de árbitros e dos serviços sociais da GNR. O jovem já tinha sido identificado há cerca de 4 anos, quando foram detidos os elementos do grupo chamado "anonymous Portugal", mas tinha apenas 15 anos, não tendo sido detido.

Desde há vários meses, que o pirata entrava em sistemas informáticos de museus, de bibliotecas, de uma associação de árbitros, da Federação Portuguesa de Natação e ainda diversas páginas da Internet com o domínio ".gov", pertencendo a entidades estatais. Mais recentemente, atacou a empresa de telecomunicações Altice, dona na marca Meo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG