O Jogo ao Vivo

Fundos europeus

Sócio do marido da ministra Ana Abrunhosa foi condenado por corrupção

Sócio do marido da ministra Ana Abrunhosa foi condenado por corrupção

Um sócio chinês de António Trigueiros de Aragão, marido da ministra da Coesão Territorial, foi condenado por corrupção ativa, no âmbito dos Vistos Gold, antes de ter concorrido a fundos europeus através da empresa Thermalvet.

Segundo o Tribunal da Relação de Lisboa, Zhu Xiaodong corrompeu o antigo presidente do Instituto dos Registos e Notariado, revela o jornal online "Página Um". Duas empresas detidas pelo marido de Ana Abrunhosa, ministra da Coesão Territorial, terão recebido centenas de milhares de euros em fundos comunitários.

PUB

Num dos projetos, a União Europeia entregou 303 275 euros, dos quais 133 mil vão para a Thermalvet, empresa detida a 40% pelo marido da ministra, que tutela as entidades responsáveis pela gestão dos fundos comunitários. Nesta empresa, 20% do capital investido é de Zhu Xiaodong. "Esse senhor é meu amigo, não vai deixar de ser meu amigo", afirmou Trigueiros de Aragão ao "Expresso".

A empresa Thermalvet foi criada a 14 de outubro de 2020 e tem como objetivo desenvolver uma "gama diversificada de produtos inovadores de uso veterinário com ingrediente base comum, o recurso endógeno água termal das Termas Monfortinho".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG