Exclusivo Edição Impressa

Militares de serviço aos paióis de Tancos com armas sem munições

Militares de serviço aos paióis de Tancos com armas sem munições

Número de militares para proteger infraestrutura crítica não era superior a dez.

A segurança aos paióis de Tancos estava a ser garantida por não mais de dez militares, mas mesmo esses tinham as espingardas G3 sem munições, soube o JN junto de fontes militares. E a situação abrangia todos os paióis e unidades do país, o que foi ontem tema na reunião de comandos do Exército, noticiada segunda-feira pelo JN. O Estado-Maior do Exército não quis tecer comentários.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

Outras Notícias