Crime

Suspeito de matar homem no Funchal fica em prisão preventiva

Suspeito de matar homem no Funchal fica em prisão preventiva

O suspeito de 45 anos acusado de matar um homem junto do mercado dos Lavradores, no Funchal, na semana passada, vai aguardar julgamento em prisão preventiva, indicou hoje a Comarca da Madeira.

De acordo com o juiz presidente da Comarca da Madeira, o indivíduo, que vivia em situação de sem-abrigo, é acusado da prática do crime de homicídio qualificado, sendo a vítima um homem de 57 anos, também sem-abrigo.

PUB

Na sexta-feira, a Polícia Judiciária (PJ) informou, em comunicado, ter detido o suspeito, explicando que o crime ocorreu na madrugada do dia 02 de fevereiro, "junto à entrada" do mercado.

A vítima foi agredida "com golpes de arma branca, na zona do tórax, num contexto de um conflito entre os dois homens", revelou a PJ.

O Mercado dos Lavradores, um dos pontos muito visitados pelos turistas no Funchal, é também uma zona frequentada por algumas pessoas em situação de sem-abrigo que pernoitam no exterior do edifício.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG