O Jogo ao Vivo

Loures

Suspeito de violência doméstica armado com facas travado a tiro pela PSP

Suspeito de violência doméstica armado com facas travado a tiro pela PSP

Um homem suspeito de violência doméstica foi atingido a tiro e detido em Loures, no final da tarde de domingo, depois de ter confrontado com duas facas os polícias mobilizados para o local.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa informou que os polícias foram enviados ao local "por causa de uma ocorrência de violência doméstica contra progenitores".

"O suspeito, indivíduo do sexo masculino de 22 anos, encontrava-se na via pública, com as mãos atrás das costas, demonstrado ocultar algo, que momentos depois passou para a frente (zona abdominal) constatando-se que empunhava duas facas, uma em cada mão", indica-se na mesma nota.

PUB

O suspeito proferiu ameaças aos agentes, que lhe ordenaram para largar as facas e cessar com as ameaças, acrescenta-se.

Contudo, "não tendo acatado as ordens dos agentes de autoridade e continuando o suspeito a caminhar na direção dos polícias com intuito de os agredir, um polícia recorreu à arma de fogo contra o suspeito, de forma menos letal, com o intuito de cessar a ameaça e preservar ao máximo a vida e integridade física do suspeito".

O homem acabou por ser atingido "de raspão" na "parte inferior da perna esquerda (zona da canela), tendo o suspeito largado de imediato as facas", acabando por ser detido".

"Acionados os meios de socorro, o suspeito foi assistido pelos Bombeiros Voluntários de Loures, não carecendo de transporte a unidade hospitalar ou tratamento de relevo", segundo a PSP.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG