Lisboa

Tentou violar amiga da namorada quando esta foi à casa de banho

Tentou violar amiga da namorada quando esta foi à casa de banho

Um homem foi acusado pelo Ministério Público (MP) pela prática de um crime de importunação sexual e um crime de coação sexual. O caso ocorreu em Lisboa a 28 de fevereiro do ano passado no quarto partilhado entre a vítima e a namorada do arguido.

A vítima encontrava-se a pernoitar há alguns dias em casa de uma amiga, namorada do suspeito, em Marvila. A habitação apenas tinha uma cama, pelo que as amigas partilhavam-na. Na noite do crime, o arguido também ficou a pernoitar com elas, na mesma cama.

Segundo a acusação, a meio da noite a vítima acordou e apercebeu-se que de que o casal estava a manter relações sexuais ao seu lado. Mais tarde, "aproveitando uma ida à casa de banho da namorada, o arguido encostou-se à vítima e forçou contactos sexuais", descreve o MP. O homem só pararia com as investidas após o regresso da namorada à cama.

PUB

A mulher fez queixa às autoridades e, após investigação, o MP deduziu uma acusação contra o arguido pelos crimes de importunação sexual e coação sexual.

No despacho de acusação, o MP explica que vai requerer que, caso não seja apresentado pedido de indemnização civil, o tribunal arbitre uma quantia a título de reparação da vítima.

O inquérito foi dirigido pelo DIAP de Lisboa - 2ª Secção.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG