Exclusivo

Trauma de homicídios leva 90 pessoas a pedir ajuda na APAV

Trauma de homicídios leva 90 pessoas a pedir ajuda na APAV

Apoio especializado é fundamental para a recuperação total de família, amigos e sobreviventes de tentativas de homicídio.

Isabel, vamos chamar-lhe assim, foi alvo de uma emboscada e viu o ex-marido assassinar o novo namorado. Também foi baleada por um homem sedento de vingança, mas conseguiu sobreviver. Física e, sobretudo, mentalmente, devido à Rede de Apoio a Familiares e Amigos de Vítimas de Homicídio e de Vítimas de Terrorismo (RAFAVHT).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG