Ensino

Reclusos a frequentar o ensino superior terão plataforma elearning

Your browser doesn't support HTML5 video.

Até ao final do ano, o Ministério da Justiça deverá desenvolver uma plataforma de elearning, que será testada em duas prisões, uma das quais o Estabelecimento Prisional do Porto (EPP). Ambas serão ainda dotadas com novos equipamentos informáticos.

A criação destas condições vem ao encontro das pretensões dos três reclusos do EPP, ouvidos pelo JN, matriculados na Universidade Aberta.