Premium

Vinho, perfumes e tabaco atraem ladrões nos aeroportos

Vinho, perfumes e tabaco atraem ladrões nos aeroportos

Vinho, perfumes, cosméticos e tabaco. São estes os produtos que, segundo a Polícia de Segurança Pública, mais desaparecem das lojas existentes nos cinco principais aeroportos nacionais.

Desde o início de 2018, os furtos centraram-se, sobretudo, no de Lisboa, mas só o de Ponta Delgada, nos Açores, tem escapado aos ladrões. Já o do Porto registou apenas três casos, menos do que o do Funchal, na ilha da Madeira e de Faro, no Algarve.

De acordo com dados fornecidos ao JN pela PSP, entre janeiro de 2018 e o início de março, ocorreram 177 furtos, dos quais 104 no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa. Destes, mais de metade foram registados no ano passado.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG