Ferraz da Costa, presidente do Fórum para a Competitividade, não duvida do "elevado grau de corrupção" no país, mas diz que a lei está feita de modo a não facilitar a incriminação nessa área. Uma responsabilidade de todos os partidos com assento parlamentar.

jnlive

"É quase impossível condenar alguém por corrupção"

"É quase impossível condenar alguém por corrupção"