Força Aérea

Pescador com traumatismo resgatado em alto mar nos Açores

Foto Força Aérea Portuguesa

Um helicóptero da Força Aérea Portuguesa (FAP) resgatou este sábado um tripulante com um traumatismo que estava a bordo de um navio de pesca que navegava a 195 quilómetros a sudeste de São Miguel, Açores, foi anunciado.

Um comunicado enviado à agência Lusa pela Marinha explica que o tripulante de nacionalidade Portuguesa, de 39 anos, estava a bordo do navio de pesca "Pepe Cumbrera", com registo em Ponta Delgada, quando sofreu uma queda no navio tendo embatido com a cabeça.

A embarcação navegava a 121 milhas náuticas (195 quilómetros) a sudeste da ilha de São Miguel.

A operação de resgate médico urgente, por meio aéreo, foi coordenada através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada), em articulação com a Força Aérea Portuguesa (FAP), através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento das Lajes (RCC Lajes) e com o Centro de Orientação de Doentes Urgentes Mar (CODU-Mar).

Segundo o mesmo comunicado, "o doente foi resgatado pelo helicóptero EH-101 da FAP, que estava estacionado na Base Aérea das Lajes na ilha Terceira, com sucesso" e transportado até ao aeroporto João Paulo II, em Ponta Delgada, pelas 15:07 locais (mais uma hora em Lisboa), e encaminhado para o Hospital do Divino Espírito Santo na ilha de São Miguel numa ambulância do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA).

Estiveram envolvidos nesta operação o MRCC Delgada, o RCC Lajes, o CODU-Mar, um helicóptero EH-101 e um avião de asa fixa C295 da FAP.