O Jogo ao Vivo

Obras

Câmara de Aveiro aprovou revisão do Plano de Pormenor do Centro

Câmara de Aveiro aprovou revisão do Plano de Pormenor do Centro

A Câmara de Aveiro aprovou esta quinta-feira a revisão do Plano de Pormenor (PP) do Centro, na zona da Fonte Nova, que mantém idêntica capacidade construtiva mas altera a altura e implantação de alguns prédios.

A proposta de revisão com o relatório de fundamentação foi aprovada em reunião do executivo, com os votos da maioria PSD/CDS/PPM e a abstenção do PS, seguindo agora para apreciação e emissão de parecer de várias entidades e, posteriormente, discussão e votação na Assembleia Municipal.

O presidente da Câmara de Aveiro, Ribau Esteves, explicou perante o executivo que a capacidade construtiva dos vários lotes se mantém em relação à versão do Plano de Pormenor do Centro que ainda está em vigor. Admitiu, contudo, que em alguns dos casos é admitido o aumento de cércea para compensar a redução da área de implantação e ganhos de espaço público.

PUB

A revisão hoje aprovada define também a implementação do Centro Interpretativo de História Natural de Aveiro, a construir num espaço verde circundante ao antigo barreio da Fábrica Jerónimo Pereira Campos.

"Irá permitir, não só, perpetuar a história das antigas fábricas de cerâmica como, também, dar a conhecer a particularidade biológica, geológica, geomorfológica, paleontológica e de registo fóssil.

De acordo com Ribau Esteves, foram definidos estacionamentos públicos em áreas privadas, pelo aproveitamento para esse fim de um dos pisos de edifícios a construir, e um prédio que estava previsto ser em formato circular foi alterado para o formato de "U" deixando o "miolo" à fruição pública.

Há também situações em que é recuada a construção, que cede espaço ao alargamento de passeios.

A este propósito, a vereadora socialista Joana Valente questionou se não seria de aproveitar a ocasião para redefinir os arruamentos de forma a torná-los mais compatíveis com modos suaves de transporte, ao que Ribau Esteves respondeu que o que está já previsto é satisfatório.

A revisão do Plano de Pormenor do Centro incide sobre uma das zonas mais valorizadas nos últimos anos no centro da cidade, na envolvente ao Lago da Fonte Nova.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG