Coronavírus

Lares de Aveiro e Ílhavo onde morreram idosos sem testes para despiste à Covid-19

Lares de Aveiro e Ílhavo onde morreram idosos sem testes para despiste à Covid-19

Em 12 lares do concelho de Aveiro, são necessários 500 testes de despiste à Covid-19 para utentes e 350 para funcionários. Em Ílhavo, a direção do Lar de S. José, onde morreu uma idosa infetada com o novo coronavírus, reforça o apelo.

No município de Aveiro, "são necessários testes à pandemia para 500 utentes e 350 colaboradores, em 12 lares, mas até ao momento só foram realizados 50 testes, estando previstos mais 50 hoje [quarta-feira], apenas no Lar da Santa Casa da Misericórdia, onde ainda ficam a faltar mais 90 testes", explicou Ribau Esteves, presidente da Câmara, em comunicado. Na instituição em questão, sedeada em Oliveirinha, "já existem idosos e profissionais positivos e de quarentena e já há três mortos por Covid-19".

Para o autarca, esta realidade "demonstra de forma clara o nível baixo de prioridade que representa esta região e este município, no combate ao vírus, bem diferente do que se escreve em notícias, embora sejam dos mais afetados no país".

Já no vizinho concelho de Ílhavo, o apelo surge do Lar de S. José, que acolhia uma mulher de 85 anos, infetada, que veio a morrer horas depois de ter sido transportada para o Hospital de Aveiro. Desconhece-se, até ao momento, se existem mais infetados na instituição, uma vez que ainda ninguém foi testado para despistagem ao novo coronavírus. "Não parece haver grandes dúvidas que é de extrema importância a realização de testes urgentemente, mas, apesar dos nossos esforços e de muitas entidades [contactadas], durante o dia de ontem [terça-feira] não foi possível encontrar uma solução para este facto", lamentou, no Facebook, Luís Oliveira, diretor-técnico do lar.

"Perante o aparecimento do caso de Covid-19, é imperativa a realização de testes a todos os utentes e colaboradores que estiveram na instituição nos últimos 14 dias, para averiguar a real dimensão deste problema", apelou, ainda, o responsável.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG