acidente

Angélico ferido em acidente que causou um morto

Angélico ferido em acidente que causou um morto

Angélico Vieira, cantor e actor, elemento dos extintos D`ZRT, está internado no Hospital de Santo António, no Porto, após um acidente, nesta madrugada de sábado, na A1, em Estarreja, que causou a morte a uma pessoa. Além do actor, há mais um ferido com alguma gravidade.

O acidente ocorreu pelas 3.15 horas, na A1, sentido Norte/Sul, na zona de Estarreja. Um automóvel em que seguiam quatro pessoas, e que seria conduzido por Angélico Vieira, despistou-se e embateu no separador central, ficando imobilizado.

A vítima mortal, Hélio Filipe, de 26 anos, natural da freguesia de Camarate, concelho de Loures, foi projectado para a estrada quando o carro embateu no rail, sendo colhido por uma outra viatura que ia atrás.

Além de Angélico Silva e Hélio Filipe, seguiam no carro Hugo Pinto, de 20 anos, e Armanda Monteiro Leite.

O proprietário da viatura onde seguia o ex-elemento da banda D`ZRT, que ganhou notoriedade na série juvenil Morangos com Açúcar, afirmou, ao JN, que tinha emprestado o carro Angélico, para este se deslocar para um concerto que teria em Lisboa.

"Estive com ele a jantar na Póvoa de Varzim até cerca das 22 horas", afirmou o homem pedindo o anonimato. "Sou eu que lhe vendo os carros e como não tinha como se deslocar decidi emprestar-lhe o carro", justificou. Ainda de acordo com a mesma fonte, Angélico teria estado dois dias "em repouso", na Póvoa do Varzim.

Os Bombeiros da Feira estiveram no local com 15 homens e cinco viaturas.

O trânsito esteve condicionado na A1, sentido norte-sul, tendo sido reaberto cerca das 7 horas.

ver mais vídeos