Sensibilização

Ílhavo: Vendedores nas praias alertados por não terem proteção adequada

Ílhavo: Vendedores nas praias alertados por não terem proteção adequada

Três vendedores de bolas de Berlim nos areais das praias da Barra e Costa Nova, em Ílhavo, que não usavam máscaras nem higienizavam as mãos entre clientes, foram esta sexta-feira alertados pela Ordem dos Médicos para mudarem os comportamentos, por poderem ser um "foco de contaminação" de covid-19.

Atendem "entre 500 a 700 clientes por dia", disse a médica Carla Araújo, que participou na ação de sensibilização Respeito pela Vida.

Nos passadiços encontraram pessoas sem máscara, mas nos areias "respeitavam os distanciamentos".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG