Oliveira de Azeméis

Nova ambulância chamada minutos antes de ser inaugurada

Nova ambulância chamada minutos antes de ser inaugurada

Viatura estacionada no hospital desde esta segunda-feira era há muito reclamada pela população. Apresentação pública teve de ser atrasada por causa do socorro a que foi chamada.

Pouco antes das 11 horas, o momento agendado para a apresentação pública da nova ambulância de Suporte Imediato de Vida que passou a estar estacionada no Hospital de Oliveira de Azeméis, a viatura e a respetiva equipa partiram para uma situação de socorro, relegando a "inauguração" para uma hora após o horário previsto.

A pertinência desta viatura do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e respetiva equipa técnica junto à urgência do Hospital São Miguel, em Oliveira de Azeméis, ficou demonstrada, ainda não tinha sido inaugurado oficialmente o novo serviço de emergência.

A deslocação atempada ao primeiro caso de doença súbita permitiu uma resposta rápida e eficaz, com a recuperação da vítima após a assistência da equipa de técnicos. "É uma velha aspiração da autarquia que chega na melhor altura. Uma resposta que ajuda a salvar vidas", afirmou o presidente da Câmara, Joaquim Jorge.

O autarca diz-se "satisfeito e feliz" pela "resposta diferenciada" que foi colocada ao dispor do concelho.
Miguel Paiva, presidente do conselho de administração do CHEDV, lembra que a urgência cirúrgica deste centro hospitalar - situada no Hospital da Feira - regista o terceiro maior movimento da região norte. "A nova SIV alavanca a nossa capacidade de intervenção em toda a região e é um meio que vai ajudar na articulação com a restante rede hospitalar e na transferência de doentes graves para hospitais diferenciados", explicou.

Já Luís Meira, presidente do INEM, referiu que se trata de uma "resposta importante", sendo a 41.ª viatura do género a ser disponibilizada pelo INEM. "Foi possível concretizar este objetivo, porque o INEM e Centro Hospitalar conseguiram reunir as condições necessárias para implementar esta ambulância. Trata-se de um bem que é necessário, como pudemos confirmar".

As Ambulâncias SIV do INEM são tripuladas por um enfermeiro e um técnico de emergência pré-Hospitalar e têm por missão garantir cuidados de saúde diferenciados de Suporte Imediato de Vida (SIV), designadamente manobras de reanimação, até estar disponível uma equipa com capacidade de prestação de Suporte Avançado de Vida.

Além da carga normal de qualquer Ambulância de Emergência Médica, a Ambulância SIV está ainda equipada com um monitor-desfibrilhador e diversos fármacos, que permitem intervenções diferenciadas através da aplicação de protocolos médicos de atuação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG