Burla

Ficou sem dinheiro de "sinal" para alugar casa de férias

Ficou sem dinheiro de "sinal" para alugar casa de férias

Uma mulher de 47 anos vai responder no Tribunal da Feira pelo crime de burla, depois de ter ficado com 100 euros de "sinal" para um falso aluguer de apartamento no Algarve.

Em 2016, um morador de Santa Maria da Feira viu um anúncio de arrendamento de um apartamento em Portimão, tendo contactado, por email, a alegada proprietária. Para o negócio se concretizar, o homem teria de pagar 100 euros para assim reservar a casa.

Depois da transferência feita, o lesado nunca mais conseguiu contactar a mulher e acabou mesmo por ficar sem apartamento para as férias de verão. Após investigações, as autoridades identificaram a mulher que vai ser julgada por um crime de burla.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG