Novidade

Jogo de telemóvel ajuda a descobrir património da Feira

Jogo de telemóvel ajuda a descobrir património da Feira

"Uma Viagem no Tempo a Terras de Santa Maria" é o mote para um jogo de telemóvel que dá a conhecer a história e a cultura feirense, numa iniciativa da Associação Rosto Solidário, que pretende tornar mais aliciante a descoberta do património local junto dos jovens.

Fernando, Joana e Rui são as três personagens centrais da aplicação de telemóvel, que consiste numa viagem inesperada no tempo, até à época medieval, cujo enredo tem início no Castelo da Feira e se desenvolve pela Igreja e Convento dos Loios, Café Castelo, peça de Vhils "Diorama Cork Faktory", Igreja da Misericórdia, Mercado Municipal e espigueiro do Orfeão da Feira.

Sob comando dos utilizadores, as três personagens percorrem estes locais históricos e culturais no centro da cidade para tentarem encontrar o caminho de regresso a casa. Ao longo do percurso encontram diferentes desafios, maioritariamente sobre o património, aos quais têm de responder corretamente para passar para as fases seguintes do jogo.

Esta aplicação móvel, exclusiva para o sistema "Android (APP) - Gymkhana 5.0", foi pensada para várias cidades europeias, com o financiamento europeu.

Em Portugal, a instituição de solidariedade social "Rosto Solidário" adaptou a aplicação à realidade da Feira.

"O jogo teve o desenvolvimento da própria equipa da instituição que, não tendo conhecimentos profundos, conseguiu concretizar o objetivo", explicou, ao JN, Catarina Gonçalves, gestora do projeto, adiantando que a intenção passa por tentar "promover o património junto da população mais jovem".

Uma das preocupações passou pela necessidade de disponibilizar uma aplicação que fosse "acessível a todos, mesmo aqueles que apresentam algum tipo de dificuldade [no manuseamento do jogo]".

PUB

A aplicação pode ser descarregada no "Play Store" e já é um sucesso entre os primeiros utilizadores.

O projeto "Gymkhana 5.0" foi coordenado pelo Conselho de Juventude de Castela e Leão (Espanha), em parceria com a Fundação ASPAYM (Espanha), CEIPES (Itália), Dione Youth Organization (Chipre) e Rosto Solidário (Portugal), e financiado no âmbito do programa ERASMUS+.

O utilizador desta APP pode ainda encontrar outros jogos e ficar a conhecer melhor outras quatro cidades europeias: Leão, Nicósia, Palência e Palermo.

A "Rosto Solidário" nasceu em 2007, promovida pela Congregação Passionista de Santa Maria da Feira e por um grupo de leigos da comunidade local. É uma associação para o desenvolvimento, sem fins lucrativos, reconhecida desde 2008 como Organização Não Governamental para o Desenvolvimento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG