Santa Maria da Feira

Trabalhadores da Ecco preparam reunião para reivindicar melhores condições laborais

Trabalhadores da Ecco preparam reunião para reivindicar melhores condições laborais

Os trabalhadores da multinacional do calçado Ecco, com instalações em São João de Ver, Santa Maria da Feira, vão reunir-se na próxima quinta-feira junto à empresa para exigir aumento salarial e melhoria nas condições laborais.

O JN apurou que os trabalhadores exigem aumentos salariais e equidade de tratamento nas diferentes funções que exercem na empresa.

A reunião irá decorrer em dois períodos distintos, de manhã e à tarde, com a concentração marcada junto à entrada da empresa, depois de, alegadamente, ter sido recusada a realização no interior das instalações por questões relacionadas com a covid-19.

Contactada pelo JN, a coordenadora do Sindicato do Calçado, Fernanda Moreira, confirmou a iniciativa dos trabalhadores. "A reunião foi pedida pelos trabalhadores para analisar a política salarial que a empresa teve em 2020 e 2021", explicou.

A responsável adianta ainda que, além deste "ponto principal", serão também discutidos outros assuntos como "o descontentamento relacionado com algumas desigualdades praticadas dentro da empresa".

Fernanda Moreira diz que caberá aos trabalhadores decidirem o tipo de atuação futura, não excluindo, à partida, qualquer cenário, inclusive a possibilidade de greve. "Serão os trabalhadores a decidirem e nós estaremos prontos para lhes dar o apoio necessário".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG