Covid-19

Beja com iluminações de Natal mas sem festa de passagem de ano

Beja com iluminações de Natal mas sem festa de passagem de ano

As contingências geradas pela pandemia de covid-19 levaram a Câmara Municipal de Beja a fazer "cortes" nas iniciativas de Natal e Ano Novo.

As principais artérias da cidade vão ter iluminações natalícias mas não haverá festa de passagem de ano nem fogo-de-artifício.

A empresa a quem o município de Beja adjudicou a instalação das iluminações já deu início à instalação, sendo que a inauguração das luzes está prevista para o dia 1 de dezembro.

No Jardim do Bacalhau é colocada uma armação em forma de Árvore de Natal iluminada, com mais de cinco metros de altura.

Este ano serão também iluminados o Castelo, a Biblioteca, parte da Avenida Fialho de Almeida e a Rua Sousa Porto. Novidade será também a iluminação da Rotunda da Força Aérea, na entrada norte da cidade.

Este ano, as iluminações de Natal terão um custo de quase 60 mil euros, sendo que, no ano passado, custaram cerca de 42 mil euros, com menos artérias iluminadas. Caso a Infraestruturas de Portugal (IP) não autorize a ligação das ornamentações na Rotunda da Força Aérea, os custos descem para 53 mil euros.

Face às contingências geradas pela pandemia de covid-19, a Câmara Municipal de Beja decidiu que, além da passagem de ano e do fogo-de-artifício, não se vão realizar o Mercadinho de Natal, o Bolo-rei Gigante e o Almoço da Comunidade Sénior do Concelho.

PUB

De 1 de dezembro até 6 de janeiro, os cidadãos vão poder usufruir de três horas de estacionamento gratuito no Parque Subterrâneo da Avenida Miguel Fernandes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG