Beja

Cavalos sem chip e sem donos à solta em Beja

Cavalos sem chip e sem donos à solta em Beja

Dois cavalos à solta passearam, na manhã desta terça-feira, pelas ruas de Beja, tendo sido recolhidos pela GNR quando rumavam ao Castelo e Centro Histórico da cidade.

Os dois animais vagueavam pela Estrada Nacional 121, procedendo de Beringel, uma localidade a cerca de 10 quilómetros de Beja, tendo durante parte do trajeto sido seguidos por viaturas da GNR.

Segundo fonte da GNR, os cavalos lançaram-se numa "louca correria a galope", tendo as viaturas da GNR conseguido avisar os condutores através de sinais luminosos e sonoros.

PUB

Já em Beja, os cavalos foram apanhados numa das ruas mais movimentadas da cidade a pouco mais de 200 metros do Castelo, tendo a GNR contado com a ajuda da PSP e de populares.

Os cavalos não tinham chip identificador pelo que não foi possível identificar os donos.

Depois de observados pela veterinária municipal, os animais recolheram às cavalariças da Praça de Touros José Varela Crujo, até a Proteção Civil lhes dar um destino ou que entretanto os donos reclamassem a posse dos mesmos.

Na operação de captura dos cavalos estiveram envolvidos quatro militares da GNR com duas viaturas e dois agentes da PSP com uma viatura.

Nos últimos tempos nas estradas de acesso a Beja têm-se verificado diversos acidentes com equídeos envolvendo automóveis, que têm resultado somente em danos materiais.

Recorde-se que na manhã do dia 31 de dezembro de 2013, num terreno privado junto ao IP 2, na entrada Sul de Beja, cinco cavalos, de um grupo de oito, foram abatidos a tiro por desconhecidos. Dias mais tarde, dois dos restantes três cavalos que ficaram feridos nos disparos acabariam por morrer.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG