Pandemia

Detetados três casos positivos de covid-19 no Instituto Politécnico de Beja

Detetados três casos positivos de covid-19 no Instituto Politécnico de Beja

Foram detetados, durante o fim de semana, três casos positivos de covid-19 no Instituto Politécnico de Beja (IPBeja).

Com estas três infeções agora descobertas, "são cinco os casos já registados na instituição depois de, em setembro, e relacionado com um surto numa instituição da cidade, dois alunos terem testado positivo", adiantou, em comunicado, o Serviço de Planeamento, Marketing e Comunicação (SPMC) do IPBEJA.

"Como medida de prevenção", após os três casos detetados, "as respetivas turmas passaram de imediato para o ensino à distância", adiantou o SPMC, acrescentando que as comunidades internas de cada escola "foram informadas" pela direção do Instituto.

O Serviço de Comunicação não esclarece se os infetados residem em alguma das residências para estudantes.

A direção do IPBeja garante que "a todos os estudantes afetados é assegurado o apoio social necessário durante todo o período de isolamento", e que, em estreita colaboração com a instituição, "as autoridades de saúde garantem o acompanhamento e monitorização da situação epidemiológica de acordo com os protocolos" definidos pela Direção-Geral de Saúde.

Em Beja há três focos ativos de covid-19, um no Bloco Operatório do Hospital José Joaquim Fernandes e dois em lares, na Mansão de São José e no Centro Paroquial e Social do Salvador.

No hospital há 14 infetados de um total de 36 infetados no surto, enquanto que na Mansão de São José existem 107 casos positivos, 87 utentes e 20 funcionários, tendo no passado sábado sido transferidas 54 utentes, duas dos quais negativas, para as instalações da Base Aérea 11.

Já no Centro Social, conhecido como o "Lar do Padre Henrique", foram ontem conhecidos 31 casos positivos, 24 utentes e 7 funcionários, de um total de 146 testes efetuados na instituição.

Outras Notícias