Ferreira do Alentejo

Carro da GNR avariou durante investigação a cadáver encontrado carbonizado

Carro da GNR avariou durante investigação a cadáver encontrado carbonizado

Uma patrulha da GNR vedou, durante a última noite, o acesso à zona onde se encontrava a autocaravana encontrada com um corpo carbonizado no interior, quarta-feira ao final do dia. No local, os agentes tiveram de garantir que ninguém entrava na caravana, mas também foi necessário "guardar" um veículo descaraterizado do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento de Aljustrel, que avariou quando parou no local da ocorrência.

Esta quinta-feira, quando um pronto-socorro chegou à estrada da barragem, pensou-se que seria para remover a autocaravana, mas acabou por ser o automóvel, com mais de 25 anos, a ser rebocado. Para as viagens entre Aljustrel e a Barragem de Odivelas, os militares do NIC foram transportados em viaturas caracterizadas do Destacamento.

O cadáver de um homem, totalmente carbonizado, foi encontrado junto à Barragem de Odivelas, a cerca de quatro quilómetros da localidade com o mesmo nome no concelho de Ferreira do Alentejo.

Outras Notícias