Barcelos

Alunos do secundário voltaram ao IPCA dois anos depois

Alunos do secundário voltaram ao IPCA dois anos depois

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), em Barcelos, voltou a abrir as portas aos estudantes do ensino secundário, depois de dois anos em formato online devido à pandemia da covid-19.

Cerca de um milhar de alunos, vindos de quatro distritos, Braga, Viana do Castelo, Vila Real e Porto, usufruíram de várias atividades que mostram o que cada escola do IPCA faz na área da gestão, hotelaria e turismo, tecnologia e design.

Durante estes dois dias, esta instituição de ensino superior promoveu e divulgou a sua oferta formativa, assim como as unidades serviços e apoios que os futuros estudantes podem esperar.

Cristiana Serejo, que coordena este evento, lembra que, "durante todo o ano", o IPCA faz "ações de divulgação nas escolas secundárias". "Agora este é o momento de as escolas virem até nós e conhecer as instalações. Assim, têm a oportunidade de perceber o ambiente que aqui se vive e conhecer as áreas das quais somos especialistas, experimentando atividades diversas", revela a professora.

Entre as várias atrações e atividades, os participantes puderam pilotar um Drone, programar um Sphero numa pista todo-o-terreno, aprender eletrónica, pintar galos de barro e levar uma recordação do IPCA. Realizaram, ainda, desafios que valorizam o planeamento e trabalho em equipa, visitar laboratórios e oficinas, experimentar técnica de stencil e ter workshops de culinária.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG