Feira

Braga Romana regressa com 240 espetáculos em cinco dias

Braga Romana regressa com 240 espetáculos em cinco dias

Evento arranca dia 25 e tem a deusa Flora como inspiração. Presentes 115 mercadores.

Cerca de três mil crianças vão inaugurar, no dia 25 deste mês, pelas 10 horas, a Braga Romana, a feira que recria o quotidiano dos tempos de Bracara Augusta, cidade fundada há mais de dois mil anos pelo imperador César Augusto. Serão cinco dias de festa, até ao dia 29, com 72 horas de programação e 240 atuações.

"Inspiramo-nos na deusa Flora, força da natureza e divindade da Primavera", afirmou Sílvia Faria, chefe da divisão da Cultura, durante a apresentação do evento, nas Termas Romanas, que serão transformadas numa Casa dos Deuses, onde haverá rituais diários às divindades. Será, apenas, um dos 12 espaços do centro histórico de Braga por onde passará a feira, este ano, com uma novidade no Rossio na Sé, onde estará o "Cultus Corporis", "dedicado ao corpo e à beleza", explicou Sílvia Faria.

É no Rossio da Sé que, também, vai acontecer, a 25 deste mês, um dos espetáculos que costuma atrair mais público, o Rito fundacional de Bracara Augusta. Dois dias depois, sexta-feira, decorre o cortejo triunfal, com cerca de mil participantes e 40 associações envolvidas. No sábado à tarde, quatro crianças vão receber o batismo romano e, no último dia, às 17 horas, regressa o ritual do casamento. À noite, o funeral romano, no Largo D. João Peculiar, encerra os grandes espetáculos.

Atividades pedagógicas

Mas o programa faz-se, também, com 120 atividades pedagógicas a pensar nas crianças, entre museus e as tendas que serão montadas pelas ruas. No Largo de Santiago estarão, por exemplo, os espaços ligados às escolas do concelho. A Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva acolherá a "Schola", onde decorrerão torneios, oficinas ou até aulas de filosofia.

Segundo o presidente da Câmara, Ricardo Rio, para dar "dimensão" ao legado da Bracara Augusta, o evento vai apresentar, também, um documentário, que estará em exibição na Fonte do Ídolo, diariamente.

PUB

Nas ruas, os visitantes poderão usufruir dos comes e bebes e artesanato, ao mesmo tempo que observam a arte da olaria, cestaria, tecelagem, entre outros saberes da época. Ao todo, estão previstos 115 mercadores. Ao evento vão juntar-se, ainda, 15 restaurantes da cidade, que "vão disponibilizar menus romanos, com ingredientes que existiam naquele tempo", referiu o diretor-geral da Associação Empresarial de Braga, Rui Marques.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG