Animais

Cadela resgatada de mina com 15 metros de profundidade em Braga

Cadela resgatada de mina com 15 metros de profundidade em Braga

Uma cadela de caça, com seis meses, foi resgatada com vida de uma mina com cerca de 15 metros de profundidade, pelos Bombeiros Sapadores de Braga. A operação de socorro aconteceu esta quinta-feira à tarde e demorou cerca de três horas.

Segundo o JN apurou no local, o dono da Chiquinha terá perdido o rasto ao animal esta manhã, quando foi caçar para um monte em São Paio de Pousada, em Braga. Andou "quilómetros" à procura da cadela, mas, só pelas 13.25 horas, ouviu o latir do animal e deu o alerta, contou ao chefe de operações dos Bombeiros Sapadores de Braga, Luís Brito, que mobilizou duas viaturas e seis homens para o local.

Para conseguirem chegar com os camiões ao local, os operacionais precisaram, primeiro, de cortar algumas árvores. Já com a Chiquinha em vista, a primeira tentativa de resgate consistiu em levar um balde ao fundo. "A cadela não entrou, então, tivemos de preparar as terras para que um homem descesse a mina", conta Luís Brito.

Segundo o responsável, devido à chuva, as terras estavam "instáveis" e foi preciso "colocar tábuas no solo para garantir que não havia aluimento de terras", enquanto o bombeiro procedia à descida, preso a uma roldana. "Foi muito complicado, uma operação arriscada, porque era uma mina com cerca de 15 metros, mas correu tudo bem", regozija-se Luís Brito.

O chefe de operações adianta que taparam duas minas no monte que estavam a descoberto e as mesmas foram sinalizadas com fitas.

A GNR foi chamada ao local para tomar conta da ocorrência.