Divertimentos

Empresários dos carrosséis no São João de Braga queixam-se de "falhas de segurança"

Empresários dos carrosséis no São João de Braga queixam-se de "falhas de segurança"

Os empresários dos carrosséis instalados em Braga para o São João apontaram esta quarta-feira "falhas graves de segurança" no acesso às diversões e acusam a InvestBraga, que gere o espaço, de "cobardia" e de não respeitar "quem pagou para trabalhar".

Os divertimentos estão instalados no parque de estacionamento do Forum Braga, antigo Parque de Exposições, cuja administração está a cargo daquela empresa municipal de dinamização económica.

"Pagamos para estar aqui, pagamos porque tivemos a garantia de que os acessos iam ser garantidos, que se iria fazer como se faz há décadas. No dia em que instalamos os divertimentos, fecharam os portões do parque e disseram-nos que o acesso ia ser feito por um espaço com cinco metros de largura e pela ecovia (situada na margem do rio Este e que contorna o recinto)", explicou à Lusa um dos empresários, Hélio Amaral.

Os empresários amarraram, ao início da tarde de hoje, fitas de segurança dos seus camiões ao portão de acesso do recinto e ameaçam " deitar tudo abaixo".

Para aqueles profissionais "está em causa a segurança" de quem se deslocar à zona de diversões" que "atrai milhares de pessoas por noite".

"Não queremos que o São João de 2018 seja lembrado como o ano em que morreu alguém. Já devíamos estar a trabalhar desde dia 09, estamos a perder dinheiro. Tiraram-nos os acessos aos quartos de banho e há problemas de eletricidade. Nunca nos aconteceu isto aqui", reclamam os empresários.

Segundo explicou Hélio Amaral, "a InvestBraga tem-se recusado" a receber os empresários. "Não dão a cara, é uma cobardia e um desrespeito por quem pagou para trabalhar", apontou.

A Lusa tentou entrar em contacto com a InvestBraga, o que não foi possível até ao momento.

ver mais vídeos