Exclusivo

PS acusa Câmara de Braga de deixar alunos sem almoço por dívida

PS acusa Câmara de Braga de deixar alunos sem almoço por dívida

Presidente nega, mas vai reanalisar os rendimentos das famílias de 700 crianças que devem 36 mil euros. E avisa os que podem: ou pagam ou o filho fica sem refeição.

O Partido Socialista (PS) acusou, ontem, a Câmara de Braga de "insensibilidade social" ao deixar que haja alunos do Ensino Básico sem almoço, devido ao atraso dos pais no pagamento das refeições. Mas a Autarquia diz que, até agora nenhum aluno ficou sem comer, por iniciativa da empresa municipal BragaHabit que serve refeições na maioria das escolas e à qual os pais de 700 crianças devem 36 mil euros.

O vereador Hugo Pires, do PS, disse ao JN que a situação lhe foi sinalizada por algumas juntas de freguesia. "Dizem-nos que são estas autarquias que pagam as refeições a alunos cujos pais se atrasaram no pagamento e que a Câmara não quer saber", afirmou, dizendo que já houve situações de crianças que ficaram sem comer.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG