Premium

Quatro novas residências universitárias no Minho

Quatro novas residências universitárias no Minho

Reabilitação de edifícios em Guimarães e Braga vai aumentar alojamento em 300 camas.

O Governo e a Câmara de Guimarães assumiram o compromisso de ceder quatro edifícios, dois em Braga e dois na Cidade-Berço, para a construção de quatro residências universitárias, que poderão fazer crescer a oferta de alojamento para os alunos da Universidade do Minho (UMinho) em mais 300 camas. Atualmente, o reitor, Rui Vieira de Castro, afirma que há cerca de 250 estudantes em lista de espera para ter um lugar nas residências. A Associação Académica diz que são necessárias "alternativas" até abrirem os novos equipamentos.

Em Braga, na Freguesia de Tenões, a antiga Escola Secundária D. Luís de Castro, que já tinha sido referenciada, vai mesmo ser transformada em alojamento. O Centro de Recrutamento de Braga, um edifício militar em Santa Tecla, é o outro espaço previsto no projeto. Na cidade de Guimarães, o Governo vai ceder a antiga Escola de Santa Luzia e o Município contribui com o antigo Convento Rosa de Lima, contíguo ao templo das Dominicas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG