Covid-19

Registados 11 mortos em lares no concelho de Braga

Registados 11 mortos em lares no concelho de Braga

O concelho de Braga regista, até esta segunda-feira, 21 óbitos por coronavírus, 11 dos quais eram utentes de quatro lares, anunciou o presidente da Câmara Ricardo Rio na reunião do executivo.

Uma outra fonte contactada pelo JN especificou que, faleceram seis pessoas que estavam internadas no Asilo de São José, duas na Resisénior, duas outras no lar da Irmandade de Santa Cruz e uma no lar da paróquia de Ferreiros.

Acrescentou que, na generalidade, e depois de medidas de confinamento interno tomadas pela Delegação de Saúde de Braga, com a colaboração da Proteção Civil municipal e da Segurança Social, a situação estabilizou em todos os lares.

Quanto a casos de recuperação: um cidadão de 84 anos, que fora internado no Hospital de Braga com a infeção, conseguiu vencer a doença, tendo sido considerado curado. Não teve ainda alta hospitalar porque tem um problema numa perna e necessita de tratamento médico.

Também no Lar de Conde de Agrolongo, depois do surgimento de uma funcionária com Covid-19 (que terá contraído em contacto familiar), a direção da instituição tomou todas as medidas profiláticas indicadas pela Delegação de Saúde. Quinze dias depois, nenhum dos 180 idosos que alberga ficou infetado.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG