O Jogo ao Vivo

GNR

Disparo junto a bares em Cabeceiras de Basto motiva grande operação

Disparo junto a bares em Cabeceiras de Basto motiva grande operação

A GNR desencadeou, na madrugada deste domingo, uma grande operação de fiscalização numa zona de diversão noturna na vila de Cabeceiras de Basto. Esta operação surgiu na sequência do disparo de uma caçadeira, ocorrido no passado dia 15 de outubro, que feriu nove jovens à saída de uma discoteca na Praceta José Salreta.

Esta zona, bem no centro da vila minhota, é residencial mas, aos fins de semana, enche-se de muitas dezenas de jovens que procuram os bares e cafés que ali funcionam, alguns deles com licença de funcionamento até às 4 horas da manhã.

Durante a madrugada deste domingo, cerca das 2 horas, a GNR irrompeu pela zona e efetuou uma fiscalização apertada aos estabelecimentos e a quem os frequentava. Os militares do posto territorial de Cabeceiras de Basto, apoiados pelo Pelotão de Intervenção Rápida do Comando de Braga da GNR, acabaram por apreender cinco gramas de liamba, além de passar três autos de contraordenação a proprietários de estabelecimentos e três multas por excesso de álcool.

PUB

No passado dia 15, um jovem de 26 anos esperou à porta do bar por outros com quem tinha tido uma desavença e, munido de uma caçadeira, terá disparado para o chão, acabando por atingir, com os estilhaços, nove pessoas que estavam na rua, à porta do bar.

Por se tratar de um local crítico do concelho, a GNR vai continuar as operações de fiscalização a comportamentos desviantes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG