Ninguém apareceu

Falha de comunicação trava vacinação em Cabeceiras de Basto

Falha de comunicação trava vacinação em Cabeceiras de Basto

Este sábado de manhã, os profissionais de saúde estavam no Centro de Vacinação de Cabeceiras de Basto à espera do pessoal docente e não docente mas, as horas passaram, e ninguém apareceu.

Rapidamente se percebeu que algo de anormal estava a acontecer. "Foi um problema na central de comunicação e ninguém em Cabeceiras de Basto foi convocado", esclareceu, ao JN, Novais de Carvalho, diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alto Ave.

Pelo que foi possível apurar, as escolas forneceram aos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde a listagem com as pessoas a vacinar mas uma falha na plataforma que promove a convocatória fez com que ninguém recebesse a mensagem.

"É um problema que está a tentar ser resolvido ainda hoje para que possamos convocar em cima da hora essas pessoas para que, este domingo, ainda possam ser vacinadas", disse Novais de Carvalho.

A situação está a ser resolvida com caráter de urgência até devido ao prazo de validade da conservação das vacinas à covid-19.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG