Campanha

Bombeiros de Guimarães conseguiram quase o dobro da verba para ambulância

Bombeiros de Guimarães conseguiram quase o dobro da verba para ambulância

A campanha de angariação de fundos dos Bombeiros Voluntários de Guimarães, lançada a 17 de fevereiro e destinada a comprar uma nova ambulância, angariou cerca de 150 mil euros, quase o dobro do dinheiro previsto.

A campanha solidária foi oficialmente encerrada esta sexta-feira depois de ter angariado cerca de 150 mil euros, quase o dobro dos 80 mil euros necessários à compra da viatura. "Não temos palavras para agradecer toda a generosidade dos vimaranenses, mas, sobretudo, não temos palavras para agradecer a grandeza do apoio que nos deram alguns empresários de Guimarães", sublinha João Pedro Castro, presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Guimarães.

João Pedro Castro esclarece que a campanha, inicialmente programada para decorrer até ao início do próximo mês de abril, foi repentinamente concluída, depois de os valores dos donativos terem disparado de "uma forma inimaginável". Tudo porque "apenas dois empresários vimaranenses, em poucos dias, no seu conjunto, fizeram um donativo global de 100 mil euros", assinala o dirigente. "Estamos verdadeiramente de coração cheio e vamos poder colocar ao serviço de todos uma ambulância de cuidados intensivos muito em breve", agradece o comandante Bento Marques.

Perante os valores alcançados, os Bombeiros de Guimarães suspendem oficialmente a ação da campanha, garantindo na totalidade a aquisição da nova ambulância para transporte de doentes de cuidados intensivos, que será publicamente apresentada aos vimaranenses logo que recebida pela corporação, e vão ainda conseguir amortizar parte significativa da aquisição da nova autoescada especial para operar nas ruas estreitas do Centro Histórico de Guimarães.

Recorde-se que a nova ambulância de cuidados intensivos dos Bombeiros de Guimarães custa um pouco mais de 80 mil euros e está já equipada com ventilador e monitor, entre outro material de ponta. A nova autoescada destinada a operar de forma célere e eficaz nas ruas estreitas do Centro Histórico de Guimarães tem um custo de 885 mil euros, sendo que a Câmara Municipal de Guimarães já garantiu um apoio de 600 mil euros para a sua aquisição, faltando à corporação suportar 285 mil euros.

Para além do apoio à aquisição da autoescada, a Câmara de Guimarães também financiou a compra de uma ambulância para os Bombeiros de Guimarães. Ou seja, em breve a corporação vimaranense terá três novas viaturas: a autoescada, a ambulância adquirida com a campanha solidária e a ambulância oferecida pela Câmara Municipal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG