Socorro

Bombeiros salvam ciclista em hipotermia desaparecido na Póvoa de Lanhoso

Bombeiros salvam ciclista em hipotermia desaparecido na Póvoa de Lanhoso

Os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso encontraram um ciclista de 48 anos que estava desaparecido na zona de Quintela, na freguesia de Taíde, este domingo à tarde. A vítima estava em hipotermia e hipoglicemia mas já não corre risco de vida.

O alerta para a corporação da Póvoa de Lanhoso foi dado às 17.45 horas. Ao que tudo indica, o homem estava a andar de bicicleta num monte quando caiu, não se tendo conseguido levantar mais, devido ao cansaço e ao estado de hipoglicemia. Ainda pediu ajuda mas, pouco depois, entrou em hipotermia.

Este estado, juntamente com os níveis baixos de glicemia, poderia ditar a morte do ciclista em poucas horas. Valeu o esforço conjunto dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso que, juntamente com a GNR e Câmara Municipal, encetaram uma série de buscas rápidas que envolveram seis viaturas e 15 elementos da corporação da Póvoa de Lanhoso.

A operação viria a revelar-se bem-sucedida com a descoberta do local onde a vítima estava caída. Após ter sido encontrado pelos bombeiros, o ciclista foi assistido por elementos da corporação e pela equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação que o acompanhou no transporte para o Hospital de Braga, onde foi internado em estado grave, embora esteja afastado o risco de morte.

O presidente da Câmara da Póvoa de Lanhoso e o vereador da proteção civil estiveram no local a acompanhar as buscas.

ver mais vídeos