Braga

Autarca de Vieira do Minho queixa-se ao MP de fórum do Facebook

Autarca de Vieira do Minho queixa-se ao MP de fórum do Facebook

O presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho, António Cardoso, que se recandidata às próximas eleições autárquicas, apresentou queixa judicial contra os administradores de um fórum da rede social Facebook - intitulado "Com Vieira no Coração" - por "replicar e dar eco a notícias falsas com base em perfis falsos do Facebook e Instagram, o que é absolutamente grave e cujo principal propósito é atacar o bom nome e o caráter do autarca".

Um dos administradores do fórum, António Macedo, diz, contudo, que as acusações "são falsas", já que se limitam a colocar textos assuntos sobre assuntos da vida pública local, sem qualquer influência partidária".

Em comunicado, o PSD de Vieira do Minho congratula-se com facto, dizendo que com estas publicações de conteúdos falsos, "os administradores deste fórum, (António Macedo e Diniz Frias) têm como único propósito replicar a calúnia, insinuações, comentários e insultos que visam essencialmente atacar António Cardoso".

"O PSD, bem como a grande maioria dos vieirenses, não se revê em atitudes e posturas deste género, pautadas pela falta de credibilidade e de verdade, com insinuações pejorativas", salienta.

Dizendo "não poder pactuar com este tipo de atitude", os social-democratas dizem que, "em política não vale tudo, até porque é do conhecimento que um dos administradores deste fórum da rede social facebook integra as listas do partido socialista às próximas eleições autárquicas".

"O PSD, tal como grande maioria dos vieirenses deposita total confiança no presidente António Cardoso, pessoa íntegra e séria, totalmente disponível para ajudar a promover o desenvolvimento do concelho", afirma o partido.

Ao JN, António Macedo diz que nenhum dos «posts» tem origem em perfis falsos: "publicamos textos nossos ou de cidadãos vieirenses, numa ótica de cidadania, em que manifestamos a nossa opinião, criticando, de quando em vez, sem objetivos difamatórios ou de apoio político a quem quer que seja", afirma, dizendo "não entender porque o querem atingir".

PUB

"Não me preocupo muito com este tipo de ataques, porque sou um homem de honra, não sou político e não estou ao serviço de ninguém, tal como o Fórum que administramos", disse.

Já fonte do PS local disse ao JN que nada tem a ver com o Fórum.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG