O Jogo ao Vivo

Pandemia

Associação de Restaurantes de Famalicão quer criar plataforma de entregas

Associação de Restaurantes de Famalicão quer criar plataforma de entregas

A recém criada Associação de Restaurantes de Famalicão quer criar uma plataforma de entrega de refeições em casa. A primeira ação da associação já está em marca com o sistema de entrega de refeições em casa, uma iniciativa apoiada pela Câmara de Famalicão que avançou devido às limitações impostas pela pandemia.

Fundada por proprietários de nove restaurantes do concelho, a associação surgiu no início da pandemia porque houve necessidade de união e da realização de ações que permitissem alvancar o negócio. Além da iniciativa municipal "Dias à Mesa", os estabelecimentos de restauração começaram a fazer entregas através de um serviço de estafetas que os próprios operacionalizam. Já foram entregues cerca de 7200 refeições de 70 restaurantes do concelho, o que, nas contas do presidente da Associação de Restaurantes de Famalicão, Pedro Mesquita, se traduziu numa "receita direta" de cerca de 150 mil euros.

Segundo o responsável, a quebra global do negócio da restauração no concelho devido às restrições impostas pela pandemia covid-19 andará na ordem dos 40%. Mas, apesar da redução do negócio, Pedro Mesquita considera que há alguns hábitos que podem ficar, e, por isso, a associação quer apostar na plataforma Leva, que pretende agregar os restaurantes de Famalicão numa aplicação disponível para entregar comida em casa.

A associação já está a trabalhar na plataforma, mas, para já, o objetivo é que até ao final do ano tenha uma centena de restaurantes associados. O concelho terá cerca de 200 restauantes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG