Acidente

Morreu a mulher que ficou queimada numa explosão em Famalicão

Morreu a mulher que ficou queimada numa explosão em Famalicão

A professora aposentada de 66 anos que, na segunda-feira, ficou ferida numa violenta explosão dentro de casa, em Joane, Famalicão, morreu esta quarta-feira.

Maria Costa ficou com quase todo o corpo queimado na segunda-feira, depois de uma explosão provocada por uma fuga de gás, na casa onde residia com o marido e a filha.

A vítima foi transportada ao hospital de S. João, no Porto, em estado muito grave, com queimaduras de terceiro grau, tendo acabado por morrer hoje.