Iniciativa

Aero Clube de Mirandela desafia jovens a ser pilotos por um dia

Aero Clube de Mirandela desafia jovens a ser pilotos por um dia

Este sábado, o Aero Clube de Mirandela (ACM) promove um workshop "Piloto por um dia" direcionado para os mais jovens que tenham gosto pela aviação, "proporcionando-lhes uma oportunidade para conhecer um pouco sobre a atividade de piloto", afirma Manuel Rodrigues, presidente da direção do ACM.

"Vamos mostrar-lhes algumas particularidades sobre a vida de piloto, aproveitar para lhes dar conhecimento de saídas profissionais que existem nesta área que são muitas. Durante a manhã, haverá uma parte teórica que inclui uma apresentação sobre como se faz um planeamento de um voo, que cuidados e consultas a fazer. Durante a tarde, haverá uma parte prática em que vão acompanhar um piloto numa inspeção do avião e depois vão fazer um voo, de cerca de 30 a 40 minutos, sobre a cidade, o rio Tua até ao Douro", acrescenta este mirandelense, que é piloto comercial da TAP.

Para além disso, o Aero Clube de Mirandela pretende cativar mais jovens para esta modalidade. "Obviamente que também está nos nossos objetivos dar a conhecer o aeroclube aos mais jovens para ver se têm gosto pela aviação e que comecem a aparecer pelo aeródromo", diz Manuel Rodrigues.

É este sábado, no aeródromo de Mirandela, que acontece o workshop "Piloto por um dia", gratuito para jovens com menos de 18 anos. A iniciativa está inserida na semana da juventude e desporto que o Município de Mirandela está a realizar.

O ACM tem uma escola de pilotagem de ultraleves, desde 2009, e desde então já deu formação a 31 alunos.

Neste momento, tem 40 pilotos e alunos nas suas fileiras, que voam cerca de 350 horas, por ano. Seis deles são de Mirandela, enquanto os restantes são da região transmontana e da zona do Porto.