Mau Tempo

Linha de crédito de um milhão de euros para agricultores de Mogadouro

Linha de crédito de um milhão de euros para agricultores de Mogadouro

O secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Vieira, anunciou esta segunda-feira uma linha de crédito no valor de um milhão de euros, com quatro anos de duração, para os agricultores de Mogadouro afetados pela trovoada de granizo que danificou vinhas, olival e amendoal naquele concelho no passado dia 13.

A trovoada atingiu explorações de mais de 700 agricultores, mas apenas 60 estão protegidos por seguros. Luís Vieira indicou que o governo quer apoiar a tesouraria das explorações agrícolas por isso criou a linha de crédito. "No primeiro ano não há amortização de capital, só de juros, É uma linha garantida pelo Estado em 70%. É mais fácil à banca conceder crédito aos agricultores", esclareceu.

O Ministério da Agricultura em conjunto com a Câmara de Mogadouro já tinham garantido um apoio de 15 euros por hectare de vinha aos vitivinicultores para estes poderem aplicar tratamentos de cálcio de modo a minimizar os danos da trovoada nas videiras.

Luís Vieira visitou várias vinhas e lembrou aos agricultores a importância de terem seguros de produção. "O seguro coletivo, através de associações ou de cooperativas, é de 75% a fundo perdido", referiu.