Acidente

Colisão matou motorista e deixou médico autarca ferido gravemente

Colisão matou motorista e deixou médico autarca ferido gravemente

Acidente envolveu um autocarro do Centro de Saúde de Arganil e um carro. Vítima mortal trabalhava na Câmara, que manifestou pesar.

Um motorista da Câmara de Arganil morreu, na quarta-feira, depois de uma colisão, seguida de um capotamento, do autocarro que conduzia em Vale de Zebras, Arganil. O acidente ocorreu de manhã, tendo o homem falecido à tarde no hospital. No autocarro seguia ainda um médico e presidente da Assembleia Municipal do concelho vizinho de Góis, Manuel Gama, que está internado no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra após ter sido submetido a uma cirurgia.

O acidente ocorreu pelas oito horas da manhã. Sebastião Gonçalves conduzia o autocarro do Centro de Saúde de Arganil, acompanhado por Manuel Gama. Segundo o que o JN conseguiu apurar, dirigiam-se a uma aldeia do concelho para transportar utentes para uma extensão de saúde em Coja, também no concelho. Após uma colisão com um automóvel, o autocarro capotou lateralmente e derrubou uma vedação.

PUB

Desencarcerados

As duas vítimas foram desencarceradas e transportadas ao Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Sebastião Gonçalves acabou por morrer ao início da tarde. Já Manuel Gama, de 63 anos, foi submetido a uma intervenção cirúrgica e, segundo o que o JN apurou, apresentava ferimentos num braço e na zona lombar.

Sebastião Gonçalves estava ao serviço da Câmara de Arganil há 25 anos, e já algum tempo que desempenhava funções no Centro de Saúde, transportando utentes das aldeias mais afastadas do concelho. O município de Arganil emitiu uma nota de pesar pelo seu trabalhador.

Manuel Enéscio Gama é presidente da Assembleia Municipal de Góis desde outubro, depois de ter sido eleito nas eleições autárquicas de 26 de setembro. Trabalha em serviços de saúde de Góis e Arganil, para além de ser o médico do clube de futebol da vila de Góis.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG