Exclusivo

Quatro mortos e 50 infetados em festa de Natal em Arganil

Quatro mortos e 50 infetados em festa de Natal em Arganil

Uma tainada na aldeia de Maladão, em Arganil, provocou um surto com mais de 50 pessoas infetadas na localidade e quatro residentes, idosos com outras patologias, já morreram como consequência direta da covid-19, confirmou na segunda-feira ao JN o presidente da Câmara de Arganil, Luís Paulo Costa.

O autarca, bem como outras pessoas da aldeia onde moram cerca de 150 pessoas, não sabe onde decorreu o convívio realizado nas vésperas de Natal, "provavelmente foi numa casa particular", mas tem a certeza de que foi o rastilho de pólvora que atingiu outras localidades do concelho. "Estamos com 180 casos ativos no concelho, no mínimo 50 residentes do Maladão, mas estimo que mais de 100 infeções tiveram origem nesse surto", afirmou.

Maladão fica a cerca de quatro quilómetros do centro de Arganil e é conhecida pelo seu "dinamismo" e por local de residência de vários empresários locais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG