JN Rede de Notícias

Mulher condenada a pena suspensa por atear fogo em Cantanhede

Mulher condenada a pena suspensa por atear fogo em Cantanhede

A idosa que em setembro do ano passado ateou um incêndio em Cantanhede, numa zona florestal, próxima de habitações, foi esta quarta-feira, dia 5 de maio, condenada a uma pena de prisão de três anos e três meses, suspensa por um período de cinco.

A mulher de 75 anos vai ter ainda de receber acompanhamento médico. A arguida, reformada, confessou o crime durante o julgamento, alegando "não estar bem da cabeça". "A nós pareceu-nos que precisava de acompanhamento médico", reconheceu, esta quarta-feira, dia 5 de maio, a presidente do coletivo que julgou o caso.

Leia mais em Diário As Beiras

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG